Usefulness: a importância de construir interfaces úteis e eficientes.

👋 Introdução

Se você é novo em UX, pode não estar muito familiarizado com os princípios da construção de interfaces. Mas fica tranquilo, Designer — nesse artigo vamos resumir tudo que você precisa saber sobre a usabilidade e utilidade, e a importância de construir interfaces realmente eficientes.

💬 Conteúdo

Usabilidade é a característica de um sistema de ser fácil de usar — na perspectiva do usuário — para desempenhar uma tarefa ou atividade.

Mensuramos a usabilidade quando poderemos perceber que o usuário consegue aprender padrões do sistema, realizando tarefas com sucesso e em menos tempo. Assim, é possível verificar a intuitividade do sistema ao criar memórias que serão reativadas quando o usuário retornar a interface depois de algum tempo sem utilizá-la.

No entanto, há outras definições que precisam nortear seu design. Afinal, de nada adiantará um design extremamente usável, mas que não consiga resolver dores do usuário.

A utilidade nada mais é do que a capacidade de um produto de resolver os problemas reais do usuário. Se você baixa um aplicativo de um banco, por exemplo, provavelmente seu objetivo principal é conseguir depositar e transferir dinheiro. Se você não consegue fazer isso, aquela interface — que pode ser linda — não tem utilidade.

Se uma interface não tiver utilidade para o usuário, ela é totalmente descartável.

Em linhas gerais, a utilidade é o que fideliza o usuário nos sistemas. Conseguir desempenhar uma tarefa que você quer muito fazer é o suficiente para te fazer perdoar alguns erros de UI. Note: eu disse alguns. É fundamental que a usabilidade e a utilidade andem sempre de mãos de dadas.

Oferecer interfaces com alta usabilidade fará com que usuários se familiarizem rapidamente com o produto, construindo laços com ele. Essa familiaridade vai estimular o retorno do usuário. Um bom exemplo disso é a analisar a sua escolha de provedor de e-mail — se você utiliza Gmail, é pouco provável que migre para o Outlook. Você já está familiarizado com aquele sistema e é possível que desempenhe tarefas com mais rapidez lá. O Gmail para você é, neste contexto, um sistema eficaz.

Usabilidade e utilidade tornam um sistema eficaz!

🙃 Conclusão

A construção de uma interface se baseia em conceitos como o de usabilidade e utilidade. Para criar interfaces de valor é preciso se perguntar constantemente se essa interface é fácil de usar e se ela resolve os problemas reais do usuário. Quando mais útil e simples o seu sistema for, melhor será o desempenho dele com usuários.

Blog da Daredev 💬 Conteúdos para UX Designers se manterem sempre atualizados.

Blog da Daredev 💬 Conteúdos para UX Designers se manterem sempre atualizados.